17 de julho de 2015

Carência.

Boa tarde, quem pensou que eu tinha desistido? Hahaha, de escrever nunca!
Bom, hoje resolvi falar de carência, essa coisa chata que faz a gente se confundir em meio a sentimentos e ficar meio pra baixo.
Primeiro de tudo, carência é normal, você não está sensível demais, não está apaixonada(o), pare de confundir as coisas, eu já fiz muito isso e só me dei mal, carência não se cura, porque não é doença, é algo que volta e meia vai aparecer para dar um oizinho e você não tem porque fugir ou burlar isso, aceite a situação compre doces, besteiras, assista filmes, saia com as amigas, jogue a bad para longe e lembre o quão incrivel você é.
Outro caso que é bem comum é quando a gente termina o namoro, bate aquela tristeza, solidão..MAS CALMA, não vá confundir as coisas, você terminou um namoro, está sensível, óbvio que se alguma pessoa te der atenção você vai se sentir encantada a ela, pode ser sua melhor amiga(o) ou uma pessoa que acabou de conhecer, você se sentirá atraída e pode acabar confundindo as emoções, não se deixa levar pelo abatimento, pela vontade de novas emoções, tudo acontece no tempo certo, tire um tempo para você, leia, saia com as amigas(os), converse com seus pais, com seus cachorros, com quem for, faça algo que a distraía, assistir filmes e comer besteiras é uma ótima alternativa para esses casos também.
Enfim, é isso, você em algum momento de sua vida vai se sentir carente e isso não tem problema nenhum, basta saber aceitar que isso acontece as vezes e não tentar matá-la de qualquer jeito, faça do seu jeito, se ame, você é seu amor, seu principal amor, não dependa de ninguém para sua felicidade, seja feliz por ser você e só.

Espero que tenha conseguido repassar a melhor mensagem possível a vocês, beijos <3

Nenhum comentário:

Postar um comentário